Iris Motos

"O Máximo em Duas Rodas!

Igreja Evangélica Pentecostal Os Escolhidos de Deus

Itarantim Bahia!

segunda-feira, janeiro 31, 2011

O homem que não tinha Jesus - 31 de janeiro de 2011


Mateus 11: 28 - Vinde a Mim todos que estão cansados e oprimidos que Eu vos aliviarei.

Brevemente aqui. 

Show do Irmão Lázaro













sexta-feira, janeiro 28, 2011

A advogada presa na roleta – 28 de janeiro de 2011


Apocalipse 22 : 15 - Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira.

Faltavam quinze minutos para terminar o expediente bancário e uma certa advogada foi correndo até uma agência bancária fazer um pagamento muito importante. Quando ela foi passar pela porta giratória, a porta travou e o alarme da agência disparou.
Imediatamente chegaram três seguranças e ela ali, presa na porta. O segurança deu a ordem. ´´Por favor, volte para aquela faixa amarela. A senhora tem na sua bolsa algum objeto de metal?``.
A advogada disse para o segurança: ´´eu tenho aqui o meu celular e dois chaveiros com algumas chaves``.
E o segurança disse: por favor, pegue esses objetos de metal e coloque ali naquele box e tente passar novamente.

E assim ela fez conforme havia mandado o segurança e se desfez dos objetos de metal e tentou passar novamente.
Outra vez a porta travou e o alarme disparou.
Sem graça, a advogada disse: o que está acontecendo? E o segurança afirmou: a senhora deve ter mais algum objeto de metal aí e nós não podemos liberar a passagem.
A mulher respondeu: mas eu já tirei tudo que eu tinha de metal. E o segurança disse: a senhora tem aí uma moeda ou alguma coisa como um relógio que está impedindo a sua passagem.

A advogada então procurou e realmente encontrou uma moeda e resolveu tirar também o relógio do pulso para que sua entrada não fosse impedida pelo sistema eletrônico de segurança daquela agência.
Ela fez então uma nova tentativa e outra vez a porta eletrônica trava e outra vez o alarme dispara.
Nisso, começou a se formar um pequeno tumulto na porta de entrada daquele banco.
O segurança disse a advogada: ´´Por favor, libere a passagem para os demais clientes que querem entrar no banco e vamos tentar resolver o seu problema.
A advogada fez conforme o segurança pediu e os outros clientes foram entrando.
Enquanto as pessoas entravam, ela pensou: ´´Bom! Vou aproveitar o embalo. Já que tem tantas pessoas entrando, eu vou entrar também``.

E sem que o segurança tivesse dado ordem novamente, ela tenta passar pela porta giratória e, novamente, mais uma vez, a porta trava automaticamente e o alarme dispara. Mais uma vez ela fica sem graça.
O segurança de novo chega para ela e diz: ´´Minha senhora! Deve ter algum objeto de metal em algum lugar do seu corpo e a senhora não vai poder entrar``.

A advogada então começou a protestar.
Pediu para chamar o gerente. Disse que era um absurdo e que ela tinha que entrar.
Momentos depois chega o gerente.
´´Olha eu não tenho mais nenhum objeto de metal e no entanto esse alarme não para de tocar toda vez que eu tento passar``.

O segurança então diz para ela: o fecho de sua bolsa! Será que não é ele quem está chamando a atenção?................

Breve continua.

quinta-feira, janeiro 27, 2011

Quem escreveu a Bíblia? 27 de janeiro de 2011


2 Pedro 1 : 20 e 21 - Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação.
Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo.


Os ateus e os intelectuais têm mania de contestar a Bíblia dizendo que esse foi um livro inventado pelos homens.
Essa história é antiga. Não é de hoje que eles atacam a Bíblia Sagrada.
Mas John Wesley que foi um grande pregador do passado e que já é falecido, já se passou para Deus, terminou a sua carreira aqui na terra, ele usava três argumentos para rebater a descrença dos ateus. E com esses três argumentos ele convencia qualquer pessoa de que a Bíblia é a Palavra de Deus.

Primeira coisa.

Uns dizem: a Bíblia foi escrita por homens bons ou anjos.
Outros dizem: a Bíblia foi escrita por homens maus ou demônios e outros como eu dizem: a Bíblia foi escrita por Deus.

A Bíblia. Ela não pode ter sido escrita por homens bons ou anjos, porque nem uns nem outros poderiam escrever um livro em que estivessem mentindo em cada página escrita quando lá punham as seguintes frases: ´´Assim diz o Senhor``, sabendo perfeitamente que o Senhor não dissera nada e que tudo era inventado por eles.
O homem bom não teria coragem de escrever frases como esta, ´´assim diz o Senhor``. Ele não teria coragem de fazer isso, de se passar por Deus. Então não foram homens bons que escreveram. Está descartada essa possibilidade.

John Wesley dizia também que a Bíblia não pode ter sido concebida por homens maus ou anjos maus nem tampouco demônios, porquê homens maus e mentirosos seriam incapazes de escrever um livro que ordena a prática do amor e do bem inclusive aos inimigos proibindo os pecados e condenando os culpados.
Então John Wesley dizia; concluo portanto que a Bíblia foi concebida por Deus e inspirada aos homens conforme está escrito em 2º Pedro 1 : 20 e 21 –

A Escritura sagrada é inspirada. É lógico que Deus usou homens, mas foram Homens Santos. O Espírito Santo usou esses homens para que escrevessem e aí está.
Ela não foi escrita por homens bons ou anjos porquê nenhum teriam coragem de dizer: assim diz o Senhor, se Deus não havia dito nada.

Também não foi escrita por homens maus e mentirosos, porquê a Bíblia só fala de amor e perdão e além do mais, ela condena o pecado e fala do juízo eterno.
A Bíblia foi portanto, inspirada por Deus.

(Juanribe Pagliarin)


Brevemente aqui.

quarta-feira, janeiro 26, 2011

A invenção da lâmpada - 26 de janeiro de 2011


Mateus 24:13 - Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo.

Brevemente aqui.

terça-feira, janeiro 25, 2011

A eleição do espinheiro - 25 de janeiro de 2011


Juízes 9:8 a 12 - Foram uma vez as árvores a ungir para si um rei, e disseram à oliveira: Reina tu sobre nós.
Porém a oliveira lhes disse: Deixaria eu a minha gordura, que Deus e os homens em mim prezam, e iria pairar sobre as árvores?
Então disseram as árvores à figueira: Vem tu, e reina sobre nós.
Porém a figueira lhes disse: Deixaria eu a minha doçura, o meu bom fruto, e iria pairar sobre as árvores?
Então disseram as árvores à videira: Vem tu, e reina sobre nós.


Brevemente aqui.

segunda-feira, janeiro 24, 2011

Fotos da final do Show de Calouros


(*)Brevemente postaremos mais. Aguardem.

sexta-feira, janeiro 21, 2011

Oportunidade perdida - 21 de janeiro de 2011


Atos 3:19 - Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor.

Brevemente aqui.

A nossa segurança está em Jesus - 20 de janeiro de 2011





Na historia dos reis dos monarcas, nos encontramos uma narrativa sobre o rei Artaxerxes que foi o rei da Pérsia que hoje é o Irã, A pérsia que foi uma potencia mundial, conquistou o Egito.
O rei Artaxerxes mandou colocar entres as penas do seu travesseiro a fabulosa quantia de 500 mil talentos de ouro para que ele pudesse ter um sono tranqüilo.
O imperador romano Calígula, além de toda segurança que ele colocava em volta dele, ele mantinha duas terríveis panteras na porta do seu quarto para que ninguém o matasse enquanto ele dormisse.
Um outro general Pérsia, o general Artabaxo, na hora de dormir ele colocava um escudo grande sobre a cabeça porque ele acreditava que se assim fazendo, evitaria que o céu caísse sobre a sua cabeça enquanto dormia.
Preocupações, cuidados inúteis, porque a vida de uma pessoa não depende de nada disso. Você que se lembra do PC Farias? Com um monte de segurança em volta da casa, ele foi assassinado.
As pessoas estão em busca de paz e segurança, e elas pensam que o dinheiro vai fazer elas terem isso.
Quando agente vê que os ricos estão tomando calmante para dormirem. Quando agente lembra do PC Farias apesar de toda aquela segurança, não tinha paz, e nem se sentia seguro e, nem estava, tanto é que morreu assassinado. Mais apesar de todo dinheiro roubado que ele tinha, ele não tinha um pingo de paz.
Durante o ultimo dia de sua, ele tomou dois litros de whísque, três champagne e uma quantidade imensa de vinho. Ele não tinha paz, vivia bêbado.
É ridículo a pretensão do homem de encontrar segurança nas riquezas, porque o Senhor Jesus nos relata o fato de um homem que tinha uma propriedade e durante toda a vida ele perseguiu a riqueza e ele achava que o dia que ele encontrasse ele seria feliz. Um dia ele conseguiu. O seu campo, a sua propriedade produziu abundantemente, produziu tanto que ele não tinha onde guardar... LEIA: ( LUCAS: 12.20)
Ele então vai e diz para si mesmo: Eu vou construir celeiros enormes, vou guardar ali todos os meus bens e depois eu vou dizer a minha alma: Oh Alma! Come, bebe, folga porque tem sustento para muitos anos.
Mas Deus, o chamou de tolo. Naquela noite ele ouviu uma voz que lhe disse:
Louco! Esta noite lhe pedirão a tua alma. E o que tens preparado para quem será?
Muitas pessoas se esquecem de serem ricas para com Deus. São ricas consigo mesmas, mas se esquecem de Deus e, partem desse mundo na mais negra miséria, quando tudo que pessoa precisa é viver.
Foi por isso que o Senhor Jesus disse: Buscai em primeiro lugar o reino de Deus, e as demais coisas vos serão acrescentadas.
Saber que verdadeiramente rico, verdadeiramente poderoso, verdadeiramente seguro é aquele, é aquela que tem Deus na sua vida e em seu coração. Porque há muitos ricos que são pobres e há muitos pobres que são ricos. Porque o Senhor, nosso Deus, tem outro conceito sobre riqueza. Em Apocalipse 3. 17 diz: Como dizes, Rico sou e de nada tenho falta, e não sabes que és um desgraçado, e miserável, e pobre, e cego e nu;
Você pode ser rico sim, mas não coloque a sua esperança ou a sua segurança no dinheiro, nem o teu futuro nas riquezas, mais confie naquele que é dono do ouro e da prata. Busque em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua Justiça, e as demais coisas vos será acrescentada.

quarta-feira, janeiro 19, 2011

O perdão da cruz - 19 de janeiro de 2011


João 12:46 - Eu sou a luz que vim ao mundo, para que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas.

Um homem nobre, fidalgo da corte e Luiz XII rei da França viu que na alta sociedade da França naquela época havia um número grande de nobres que conspiravam que planejavam contra o rei da França.

Então, aquele nobre fidalgo resolveu prestar um serviço para o rei e, secretamente preparou uma lista com os nomes de todos os nobres daquele reino e, aqueles que eram inimigos do rei, aqueles que eram desafetos do rei, aqueles que conspiravam contra o rei, ele marcou com uma cruz e levou a lista com o nome daquelas pessoas até o rei Luiz XII rei da França e disse; olha rei, por minha própria conta, relacionei aqui nesta lista, todos os nobres do reino e marquei com uma cruz os nomes dos seus inimigos.

Essas pessoas eu comprovei, elas falam mal de ti ó rei, conspiram contra a tua vida e contra o vosso trono, essas pessoas são dignas de morte.
E o rei disse; É mesmo? Todos esses aqui que estão marcados com uma cruz?

Sim rei! Todos esses que estão marcados com uma cruz. Eu pesquisei e confirmei. São inimigos do rei e são dignos de morte porque conspiram contra o trono..

E o rei Luiz XII, conhecedor do Evangelho disse; esses nomes aqui que estão marcados com uma cruz? Sim.
Tem certeza? Tenho sim, disse o fidalgo.
O rei então disse; esquece.
E concluiu. A cruz é símbolo de perdão, não símbolo de condenação.
O Evangelho, ele manda que eu perdoe inclusive meus inimigos, portanto, por causa da cruz, eles estão perdoados.

A cruz era o sofrimento dos escravos.
Jesus transformou a cruz de sofrimento de escravos, para um sofrimento pessoal, para que fôssemos libertados.
Jesus transformou a cruz que era pavor dos condenados por causa da morte trágica e demorada, da agonia que ela representa Jesus a transformou em esperança, em perdão para todos aqueles que se aproximam dela.
A cruz antigamente, símbolo de vergonha, agora, é o símbolo do perdão e da salvação.

No livro de Colossensses 2;13, 14 e 15 diz; E, quando vós estáveis mortos nos pecados, e na incircuncisão da vossa carne, vos vivificou juntamente com ele, perdoando-vos todas as ofensas,
Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós, cravando-a na cruz.
E, despojando os principados e potestades, os expôs publicamente e deles triunfou em si mesmo.

Havia uma cédula contra mim e contra você, uma dívida que nós jamais podíamos pagar e nós tínhamos que sermos cravados na cruz por causa daquela dívida, mas o Senhor Jesus pegou aquela cédula, aquela nota promissória, aquela nota que nos era contrária, Ele tirou do meio de nós e a cravou na cruz. É como se quitássemos uma conta que você não pudesse pagar, uma conta que estava pendurada. Ele foi lá e pagou a sua conta com seu sangue precioso.

Você nasceu marcado pela cruz, sabia?
O diabo tenta te condenar. Ele diz que você tem que perecer, que você tem que morrer, ele diz que você nasceu marcado pela maldição da cruz, mas o Senhor Jesus transformou a cruz num símbolo de salvação, não mais de morte, mas de vida, porque Jesus é vida.

Juanribe Pagliarin

terça-feira, janeiro 18, 2011

O homem infeliz - 18 de janeiro de 2011



Certo homem vivia em sua casinha no interior, no meio do campo, numa zona rural, mas ele era muito infeliz. A mulher grávida de mais uma criança, ele já tinha cinco filhos, trabalhava lá na roça, tinha lá uma criação de meia dúzia de galinhas, queria ter mais, tinha uma vaca, queria ter mais, ele tinha uma cabra, mais ele queria ter mais, tinha um cachorro vira-lata, e ele estava infeliz com aquela vida que ele levava. Ô vidinha besta, ele pensava, ô vidinha chata.
Um dia ele foi até a cidade e procurava o homem de Deus e reclamou que ele era muito infeliz. Ele queria ter uma casa mais espaçosa, uma casa arejada, grande, bonita. Ele queria ter mais coisas, ele queria prosperar, subir na vida, ter uma casa mais ampla, melhor localizada. Ele falou que era infeliz mais por causa da casa que ele tinha, se ele morasse numa casa maior, ele seria mais feliz.
O homem de  Deus o escutou, tomou nota do endereço e falou: Eu vou em tua casa, eu vou transformar a tua casa num lugar arejado, e espaçoso, confortável, iluminado.
E o homem ficou todo contente. Oh, que Maravilha!
Quando o senhor vai lá?
Amanhã mesmo eu irei e vou fazer esse milagre.
Então aquele homem ficou numa felicidade só com aquela promessa.
Mais o homem de Deus disse: Porém, você vai ter que me obedecer à risca, e vai ter que fazer tudo o que eu mandar. Se você não fizer isso, o milagre não vai se realizar.
O homem disse: Ah! Eu faço. Pode deixar que eu faço. O que o senhor mandar fazer eu faço.
Não, você tem que prometer por Deus, que você vai fazer tudo isso. E assim foi feito. O homem prometeu por Deus que faria tudo o que o homem de Deus o mandasse fazer.
Olha você não pode discutir nada quando eu mandar. Não pode deixar. Por mais absurdo que seja a ordem, eu vou obedecer cegamente.
Então tudo certo. Você vai receber o milagre, amanhã eu irei a sua casa. Não, pode deixar, por mais absurdo que seja a ordem eu vou obedecer cegamente.
Então tudo certo. Você vai receber o milagre amanhã eu irei a sua casa. O milagre vai demorar sete dias,  você vai ter que obedecer dia por dia. Tudo bem, eu obedeço.
No dia seguinte o homem de Deus chegou lá na casa, no interior, zona rural e, lá estava o homenzinho esperando por ele, a mulher grávida, as crianças, os bichos de criação, tudo por ali.
O homem de Deus disse para ele, Olha eu vou começar o milagre agora.
Você quer que sua casa se transforme numa casa confortável e arejada, então me obedeça. Va buscar a tua vaca, a mimosa. Ai ele foi lá e trouxe a mimosa. Agora entra com essa vaca em tua casa e coloque-a dentro do teu quarto.
Mas homem de Deus! Como Assim?
Epa! Lembra do que você prometeu. Obedeça!
É verdade, desculpe.
Vou levar a mimosa para o meu quarto. Pronto! E agora? Deixa ela lá. Eu volto aqui amanhã.
O homenzinho achou estranha aquela ordem. À noite quando foram dormir foi um tormento. A vaca dentro da casa começou a urinar e a fazer sujeira, a comer o colchão que era de polha e ficou aquele cheiro insuportável. Aquela noite foi um inferno.  Foi um tormento, e a casa fechada. Imagine! Uma vaca, uma cabra e um monte de galinhas dentro da casa e você ali, vivendo junto!
No outro dia o homem de Deus apareceu, o homenzinho desesperado diz: Ai homem de Deus. Quando é que eu vou receber o meu milagre? Já está quase recebendo o teu milagre. Hoje é o 3º dia. Agora o 4º dia, não te falei que em sete dias você vai receber o teu milagre? Então!
Agora vá! Tira primeiro a vaca de dentro da tua casa. O homem foi tirou a vaca. E agora? Agora é só isso, eu volto amanhã.
No dia seguinte o homem de Deus volta e o homenzinho pergunta: E agora? Agora você tira a cabra de dentro da tua casa. Tirou a cabra.
No dia seguinte o homem de Deus volta e o homenzinho perguntou, e agora? O que é que eu faço? Agora você tira todas as galinhas. Isso já era o 6º dia. Você vai receber o teu milagre. Amanha eu vou fazer o milagre acontecer. Amanha você vai ser um homem feliz. E agora? O que eu faço?
Agora você vai e limpe toda a tua casa, limpe toda a sujeira que amanhã eu voltarei para fazer o milagre. No dia seguinte o homem de Deus voltou. O homenzinho estava alegre, ele estava feliz, a mulher estava radiante,  as crianças estavam contentes. Então o homem de Deus perguntou, e aí! Como você está? Ah, eu estou muito feliz, a minha família está muito contente, a minha casa está iluminada, limpa, arejad, confortável. Eu não falei que ia fazer um milagre?
Ah homem de Deus, a minha casa é maravilhosa, a minha família é maravilhosa. Como eu estou feliz, como eu estou contente!
A historia do homem infeliz termina aqui. Mas onde podemos aplicar essa historia da palavra de Deus?
A palavra de Deus nos ensina a estarmos contentes com aquilo que temos. O apostolo Paulo disse: Eu aprendi a ficar feliz. Se eu tenho muito eu estou contente , se eu tenho pouco eu estou contente.
O Senhor Jesus disse: A vida de qualquer pessoa não consiste no que ela possui.
 A felicidade do homem não esta em seus bens, não esta em suas propriedades, nem nos seus ouros nem na sua prata.
Mais a felicidade do homem está em buscar o Reino de Deus e a sua justiça e as demais coisas vos serão acrescentadas.

segunda-feira, janeiro 17, 2011

A importância de ser cheio do Espírito Santo - 17 de janeiro de 2011


Efésios 5.18: E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito. 

A importância de ser cheio do Espírito Santo.


Podemos escolher diversas maneiras para seguir a nossa vida, mas a melhor delas é viver de forma abundante com o poder de Deus. E o segredo para alcançar esta bênção está na admoestação do apóstolo Paulo, feita em Efésios 5.18
Após Jesus entregar Sua vida na cruz do Calvário para a redenção da humanidade, Ele ressuscitou e apareceu para os discípulos, comissinou-os a pregar as boas-novas de salvação e enviou o Espírito Santo, o Consolador, para que não ficassem órfãos nem desamparados após Ele ter voltado para junto do Pai.
Contudo, muitos cristãos não aproveitam está bênção para trilhar um caminho reto e triunfante na presença do Senhor. Preferem agir sob os próprios impulsos e esforços, achando que ser cheio do Espírito Santo é apenas confessar o nome de Jesus como único e suficiente Salvador.
É preciso muito mais que isso para ser cheio da presença do Espírito de Deus. Não basta falar em línguas estranhas ou freqüentar os cultos semanalmente. O Senhor espera mais de cada um de nós para revestir-nos com seu poder. Ele deseja que nos tornemos semelhantes a Cristo em nossa maneira de pensar, sentir, falar e agir .
Isto é um processo contínuo, um exercício diário, que visa à santificação e ao crescimento espiritual. Todos os dias somos chamados a despir-nos dos velhos hábitos e assumir a posição de novas criaturas, de filhos de Deus, tendo Jesus como referencial. Só que não podemos fazer isso pelo nosso próprio conhecimento ou poder. Dependemos do agir do Espírito Santo para alcançar este propósito, porque só aqueles que querem ter uma vida sob o controle de Deus é que alcançam as promessas do Senhor em sua totalidade. É hora de ser cheio do Espírito Santo.
Deus, em cumprimento à Sua promessa em Joel 2.28,29 e em Ezequiel 36.26,27, enviou Seu Espírito para habitar em cada pessoa que aceitou Cristo como seu Salvador e Senhor (ver Atos 1.8; 2.1-11). É pela ação do Espírito Santo que o homem é convencido de pecado, de justiça e de juízo, arrepende-se e é santificado, produzindo o fruto do Espírito -que é amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio (Gálatas 5.22,23 ARA) e recebendo dons espirituais e ministeriais, para o crescimento e a edificação dos membros do Corpo de Cristo.
O Espírito Santo é o agente responsável pelo novo nascimento, o nascimento espiritual, a regeneração do ser humano, a transformação deste em nova criatura feita à imagem e semelhança de Cristo, para tornar-se, como Ele, um filho de Deus (ver João 3.5; Tito 3.5). Em outras palavras, é o Espírito Santo quem inspira, aconselha, dirige e consola o cristão. É Ele quem deve operar em nós tanto o querer como o efetuar segundo a boa vontade de Deus (Filipenses 2.13).
Foi pela ação e inspiração do Espírito Santo que os profetas vétero-testamentários falaram e agiram, revelando aos homens a mensagem e a vontade de Deus, bem como é pela orientação do Espírito que a Igreja de Jesus age e anuncia o Evangelho.
O Espírito de Deus agia na vida dos crentes do Antigo Testamento e também age na vida dos cristãos nos dias de hoje. Mas de uma maneira mais plena, pois não está mais restrito apenas àqueles que presidem sobre outros, mas a todos que fazem parte do Corpo de Cristo.
Entretanto, existe uma diferença entre ser habitação do Espírito e ser cheio do Espírito. Depois da conversão, o coração passa a ser templo do Espírito. Só que este deve ser o Senhor de tudo, com plena liberdade para operar em nós para a glória de Deus. Ele deseja que vivamos de forma transbordante com a presença do Espírito Santo. Só assim conseguiremos testemunhar com autoridade as boas novas à humanidade e sermos vitoriosos sobre o pecado, o mundo e o diabo.
O Espírito Santo é o nosso combustível, o nosso guia, o nosso intercessor! Podemos ser prósperos financeiramente e ter todos os bens materiais desejáveis, mas se não nos enchermos da presença do Espírito de Deus seremos como um carro sem gasolina. Não funcionaremos e não cumpriremos os propósitos para os quais fomos chamados.
Além disso, devemos ser cheios do Espírito Santo: 1) porque um lugar vazio pode ser mal ocupado, trazendo morte e destruição; 2) porque precisamos de amadurecimento espiritual para atingir a estatura de Cristo; 3) porque só uma pessoa cheia do Espírito Santo é mais do que vencedora e estará apta a encontrar-se com Cristo, quando Ele vier buscar a Sua Igreja.
Em suma, encher-se do Espírito é o segredo da vitória em todos os aspectos da nossa vida. O Senhor deseja que Seus filhos sejam cheios do Espírito Santo agora mesmo. Se não estivermos preparados e revestidos de Seu poder, dificilmente desfrutaremos as bênçãos divinas na terra e, muito menos, no céu, ao lado do Pai por toda a eternidade.
Para alcançar este propósito, a primeira coisa a fazer é ter o desejo de ser cheio do Espírito Santo (Mateus 5.6); é querer ardentemente ter comunhão com Ele, ansiar em ser controlado e fortalecido por Deus. Você quer ser cheio do Espírito Santo? Então busque isso.



Fotos Show de Calouros












sexta-feira, janeiro 14, 2011

Jesus! Minha vida, minha referência, meu escudo - 14 de janeiro de 2011


Salmos 1 - Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite.

Esta é uma história real. Preste atenção, porque desta história você pode tirar uma grande lição.
Uma servidora pública convive diariamente com centenas de pessoas de várias religiões, inclusive evangélicas como eu. Na área do relacionamento humano, Deus tem nos provado de muitas formas, porque acredito eu, ser o método que Ele usa para me ensinar acerca do amor, do respeito, da tolerância, da paciência, da caridade, da humildade, da solidariedade, etc, etc... Isto é, o Senhor, com sua inigualável sabedoria, nos faz crescer diariamente usando pessoas à nossa volta como instrumentos seus. Mas a eficácia deste método de Deus só é possível em mim (e pode ser em você também), porque sou extremamente sensível à sua voz, sou capaz de entender perfeitamente quando o Senhor quer me dizer alguma coisa, com as atitudes ou o comportamento das outras pessoas. Por muitas e muitas vezes cheguei às lágrimas ao ver colegas de trabalho ou até pessoas nas igrejas fazendo maldades aos outros (a mim também já fizeram). Traição, fofoca, difamação, calúnia, vingança e humilhação são o que há de mais comum entre as pessoas que convivem em grande número num local de trabalho ou em comunidades, e qualquer pessoa com um mínimo de sensibilidade cristã sofre horrores vendo tudo isto acontecer à sua volta. O pior de tudo é que todas essas pessoas, assim como grande parte da humanidade, já tiveram acesso aos ensinamentos de Cristo, freqüentam suas igrejas, rezam, oram, pregam, cantam louvores, praticam a caridade, mas não querem aprender de Deus (e muito menos praticar) o seu principal ensinamento: amar ao próximo.
O que quero dizer a você, é que mesmo que seja necessário passar por tudo isto para se aprender a ser melhor, mesmo sofrendo calúnias, humilhações, traições e tudo o mais que possam lhe fazer, mesmo se tentarem te destruir moralmente de alguma forma, use a situação para mostrar a todos o quanto VOCÊ É DE DEUS. Aproveite a situação para mostrar às pessoas o quanto Jesus está presente em sua vida, jamais revide quando alguém lhe ofender, jamais use as mesmas armas que usarem contra você, não alimente rancor ou ódio dentro do coração, porque se fizer isto será igual a todos eles. Libere o perdão, seja qual for a ofensa, tente ser o mais humilde possível com todos em todas as situações, reconheça que você também tem lá suas fraquezas e seus defeitos, jamais seja arrogante com quem quer que seja, porque isto fará mal só a você e ninguém mais. E para terminar, sempre que for preciso dizer algo ou tomar alguma atitude, feche os olhos e faça a você mesma a seguinte pergunta: nesta situação, como agiria Jesus? Em seguida, faça conforme o Espírito Santo lhe responder. Lembre-se: o seu comportamento pode ensinar alguém a ser melhor.

Provérbios 10:12 – “O ódio excita contendas; mas o amor cobre todas as transgressões.”

Para nossa meditação temos aqui Salmos 28

1 A ti clamo, ó Senhor; rocha minha, não emudeças para comigo; não suceda que, calando-te a meu respeito, eu me torne semelhante aos que descem à cova.
2 Ouve a voz das minhas súplicas, quando a ti clamo, quando levanto as minhas mãos para o teu santo templo.
3 Não me arrastes juntamente com os ímpios e com os que praticam a iniqüidade, que falam de paz ao seu próximo, mas têm o mal no seu coração.
4 Retribui-lhes segundo as suas obras e segundo a malícia dos seus feitos; dá-lhes conforme o que fizeram as suas mãos; retribui-lhes o que eles merecem.
5 Porquanto eles não atentam para as obras do Senhor, nem para o que as suas mãos têm feito, ele os derrubará e não os reedificará
6 Bendito seja o Senhor, porque ouviu a voz das minhas súplicas.
7 O Senhor é a minha força e o meu escudo; nele confiou o meu coração, e fui socorrido; pelo que o meu coração salta de prazer, e com o meu cântico o louvarei.
8 O Senhor é a força do seu povo; ele é a fortaleza salvadora para o seu ungido.
9 Salva o teu povo, e abençoa a tua herança; apascenta-os e exalta-os para sempre.

Que Deus te abençoe cada vez mais.

quinta-feira, janeiro 13, 2011

Tempo de Conquistar - 13 de janeiro de 2011


Salmo 115.16 - Os céus são os céus do SENHOR; mas a terra, deu-a ele aos filhos dos homens.


A partir do que está escrito no Salmo 115.16, é fácil concluir que Deus deu a terra para ser conquistada pelo homem, independente da sua fé. Contudo, é preciso ir ao encontro daquilo que se almeja no âmbito material e espiritual. Mas há uma promessa específica para o povo de Deus em Deuteronômio 28.13: E o SENHOR te porá por cabeça e não por cauda; e só estarás em cima e não debaixo, quando obedeceres aos mandamentos do SENHOR, teu Deus, que hoje te ordeno, para os guardar e fazer. Dentre tantos elementos que podem ser apresentados, destaco seis fundamentais para que você seja um vitorioso:
1)fazer escolhas certas, com base na razão e na Palavra de Deus;
2)ser uma pessoa ativa e produtiva;
3)não desperdiçar os recursos (tempo, bens e talentos);
4)ter disciplina e respeitar regras, princípios e autoridades;
5)ter ambição e projetos.
6)Ter alvos espirituais
A pessoa que deseja conquistar seus sonhos, primeiro, precisa aprender a fazer escolhas certas na vida. O livre-arbítrio e a consciência nos tornam diferentes dos animais e semelhantes a Deus. O ser humano é livre para decidir o que almeja. Quando o faz, suas ações são dirigidas para o seu alvo e para as prioridades que estabeleceu. No entanto, para definir seus objetivos, deve usar a inteligência (a capacidade de aprender, apreender e compreender) e a sabedoria (a capacidade de discernir as coisas, distinguindo o que é mais importante, com prudência, sensatez).
Não permita que suas escolhas sejam feitas com base apenas em emoções, na intuição ou na opinião dos outros. Estes elementos até podem influenciar sua decisão, porém são subsídios secundários. É a Palavra de Deus que deve orientar suas escolhas. Ela é a verdade e a fonte da sabedoria (Pv 3.13-18).
Em segundo lugar, se você quer conquistar seus objetivos, preste atenção ao que é dito em Gênesis 2.15: Tomou, pois, o SENHOR Deus ao homem e o colocou no jardim do Éden para o cultivar e o guardar. O Altíssimo colocou o homem na terra para produzir e gerar bem-estar, pois não suporta a improdutividade. Ele chama o servo que não quis ser produtivo de negligente e mau (Mateus 25.26). Com isso, aprendemos que ninguém conquista nada se não for produtivo.
Em terceiro lugar, Deus colocou o homem na terra para lavrar, cuidar, zelar, e não para desperdiçar. O Senhor detesta o desperdício. Em Tiago 4.3, está escrito: Pedis e não recebeis, porque pedis mal, para o gastardes em vossos deleites. Em Isaías 55.2, o povo é exortado porque gastava o dinheiro com aquilo que não era pão; consumia o produto do seu trabalho com algo que não tinha valor e não alimentava nem o corpo nem a alma. Tem gente que só compra besteira. Não pode ver uma liquidação, que corre para comprar o que não precisa. Como é que você quer conquistar algo maior se desperdiça tudo com bobagens?
Em quarto lugar, quem deseja conquistar seus sonhos, precisa ter disciplina, obedecer às regras, aos princípios e às autoridades. Para se comprar um apartamento, é necessário ter o dinheiro da entrada e arcar com prestações que caibam dentro do orçamento. Isto é uma regra, um princípio que não deve ser quebrado.
Ser submisso às autoridades é outro elemento fundamental. O ser humano precisa aprender a obedecer. Não adianta querer fazer o que se quer, desrespeitar o chefe, sublevar a ordem imposta e tentar dar-lhe uma rasteira para ocupar posições maiores.
Em quinto lugar, tenha ambição, desejo de conquistar algo superior. Isto será uma força motivadora para você agir na vida. Almeje comprar um imóvel e não mais viver de aluguel; almeje ser um profissional de sucesso, uma pessoa melhor. Mas lembre-se de que, para galgar patamares superiores, você precisa ser liberal.
Contudo, ao ambicionar algo melhor e uma posição superior, cuidado com quatro coisas destrutivas que impedem o homem de alcançar seus objetivos: a ganância (desejar algo a qualquer preço, não se importando se é ilícito e se prejudicará seu próximo), a cobiça (a ambição desmedida por riquezas e o desejo desenfreado de atender à sua natureza), a inveja (o desgosto e pesar pelo sucesso do outro) e o egoísmo (o amor e a consideração excessiva por si mesmo, a ponto de desprezar o interesse dos outros).
Qual o remédio para esses males? É amar a Deus e a seu próximo como a si mesmo; é ser liberal, bondoso e altruísta!
Em Provérbios 19.17 (ARA), é dito: Ser bondoso com os pobres é emprestar ao SENHOR, e ele nos devolve o bem que fazemos. Em Provérbios 3.9,10, há uma grande promessa: Honra ao SENHOR com a tua fazenda e com as primícias de toda a tua renda; e se encherão os teus celeiros abundantemente, e trasbordarão de mosto os teus lagares. Priorizar a Deus e ser bondoso e liberal, abençoando outros com nossos bens materiais, livra-nos da ganância!
Além disso, a vida não se resume apenas às conquistas materiais; existem as conquistas espirituais. E a pessoa inteligente considera essas duas dimensões.
Sendo assim, estabeleça objetivos materiais, mas não se esqueça de ter alvos espirituais. Deseje conhecer Deus e aprofundar sua comunhão com Ele. Para alcançar este propósito, ore e consagre-se. O Senhor quer manifestar-se e tem coisas tremendas, que você não sabe, para revelar-lhe. Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós (Tiago 4.8a).
Também é necessário buscar conhecimento maior da Bíblia. Nunca vi tantos crentes rasos no conhecimento divino. Errais, não conhecendo as Escrituras (Mateus 22.49). Mas o Espírito expressamente diz que, nos últimos tempos, apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores e a doutrinas de demônios (1 Timóteo 4.1).
Há um bombardeio na mídia para desmerecer a Bíblia, como se ela fosse um livro de mentiras. Há uma pressão nas escolas para ensinar que o universo é obra do acaso, uma questão de evolução. Há artimanhas de todo tipo para deturpar a Palavra. É tempo de conhecer o Deus que você serve. Só assim poderá dizer como Paulo, em 2 Timóteo 1.12: Eu sei em quem tenho crido e estou certo de que é poderoso para guardar o meu depósito até àquele Dia.
O que você está fazendo para este Deus que tudo faz, que salva, liberta, transforma, abençoa e dá vida? Não fique apenas preocupado com a corrida pela sobrevivência. Use seu tempo, seu talento e seus recursos na obra do Senhor também. Seja mais agradável e relacione-se melhor com as pessoas.
É tempo de conquistar vidas para Cristo, e você é o maior instrumento para isto! Quantas pessoas você leva à igreja durante o ano? Este é um tempo de uma nova unção de Deus sobre a sua vida, de um novo patamar espiritual! O Altíssimo quer levá-lo a uma nova estação e derramar um óleo fresco sobre a sua cabeça. O Senhor quer levantá-lo com poder e autoridade. Ele quer usá-lo! Saia, então, da mesmice e da mediocridade.
Fui moço, e agora sou velho; mas nunca vi desamparado o justo, nem a sua semente a mendigar o pão.
Compadece-se sempre, e empresta, e a sua semente é abençoada.
Aparta-te do mal e faze o bem; e terás morada para sempre.
Que a mão de Deus esteja sobre você! Que as janelas dos céus sejam abertas! Que coisas novas aconteçam na sua vida! Aquilo que o ouvido não ouviu, que o olho não viu e que não chegou ao nosso coração é o que Ele tem preparado para você.

quarta-feira, janeiro 12, 2011

O homem que queria ser pastor - 12 de janeiro de 2011




Um homem se julgava muito santo, santo demais e, ele achava que devia ser um pastor, porque ele achava que era tão santo que era impossível ele não ser um pastor.
Certo dia ele procurou o ministério de sua igreja e disse para o pastor presidente:
- Olha pastor, eu quero que o senhor me examine e veja que eu tenho todas as qualificações para ser um pastor.
- É mesmo? Disse o pastor presidente.
Quais são as suas qualificações?
Ele disse: Ah! São muitas. Olha! Eu ando sempre de branco, ta vendo? Me visto sempre de branco. Eu bebo só água. E sabe o que eu faço no meu sapato? Coloco pregos por dentro para ficar mortificando os meus pés e, sabe o que eu faço mais ainda? Eu tiro toda a roupa  e me deito no chão gelado e fico ali em meditação e ainda depois disso eu pego uma cinta e me bato por 40 vezes nas costas.
Ai o pastor presidente disse: Puxa! Estou impressionado com a tua santidade. Que Coisa! Você está vendo aquele cavalo ali?
E mostrou o cavalo que estava no campo.
O cavalo foi bebeu água e deitou no chão.
Ta vendo moço? Observe! Aquele cavalo é todo branco. Ele bebeu água também, ele deitou no chão gelado e ele é todo branco. Pode ver! Observe direitinho aquele cavalo.
Ele é todo branco, ele bebe água e ele tem pregos em suas ferraduras, ele deita-se no chão e todo dia, ele leva mais do que 40 chicotadas.
Entretanto, ele não passa de um simples cavalo.
O moço então compreendeu que ele querendo ser grande coisa, não era nada.
*Muitas pessoas confiam em sua própria santidade, em seus méritos. Querem chegar diante de Deus e se elogiar. Sobre isso o Senhor Jesus contou uma historia do fariseu e do publicano, onde dois homens iam ao mesmo templo para orarem e aquele que se achava o justo, santo ou seja, o fariseu, ele orava assim: Oh, Deus! Graças te dou, porque não sou como os outros homens, roubadores, injustos e adúlteros nem ainda como esse publicano. Jejuo duas vezes por semana, e dou o dizimo de tudo quanto possuo.
E Jesus contou o que o publicano pecador de longe, não tinha coragem de sequer levantar os olhos aos céus, e dizia de cabeça baixa e chorando: Oh, Deus! Tem misericórdia de mim que sou pecador.
O Senhor disse que os dois voltaram para casa, mais só um foi justificado, mais não foi aquele que se julgava santo, mais sim o que se julgava pecador e clamava por misericórdia.
E onde se encaixa essa mensagem que vos falo, do homem que julgava santo e queria ser pastor, do cavalo? Onde podemos encaixá-la na palavra de Deus? Em Lucas: 14. 11 diz:
Qualquer que a si mesmo se humilhar será exaltado, e qualquer se a si mesmo se exaltar será humilhado.
Quando você se humilha, Jesus te levanta. Quando você se levanta Deus te humilha.
É por isso que Deus está buscando os humildes da terra. É por isso que Jesus foi humilde, ainda que Ele tivesse todo o poder. Sendo a forma de Deus, Ele não quis ser igual a Deus e se reduziu a forma de servo. E reduzindo a forma de servo, Ele foi fiel até a morte.
O Senhor Jesus se humilhou tanto por mim e por você que podemos considerar que Ele se humilhou como um verme.
Foi chicoteado, espancado, cuspido, furado, crucificado, morto e sepultado.
Tudo isso por amor de mim e de você. Por amor a humanidade.
E por Ele ter se humilhado, o Senhor Deus o exaltou e lhe deu um nome que está acima de todo o nome, para que diante do nome Dele, se dobre todo joelho, que está embaixo na terra em cima no céu, para que toda língua confesse que só Ele, Jesus Cristo, só Ele é Deus...

Seja Humilde!
Não deixe que o seu eu te exalte. O eu posso te exalte.
Peça para Deus que te esconda do orgulho. Num lugar secreto, onde nada disso te encontre, para que Ele seja glorificado cada vez mais através da tua humilhação. 

terça-feira, janeiro 11, 2011

Os dois lenhadores - 11 de janeiro de 2011



Numa fazenda onde moravam pessoas de todas as crenças, dois jovens cristãos iriam entrar na mata para colher lenha e se aproximou deles um macumbeiro de disse: Olha! Os meus guias me disseram que vocês iriam entrar nessa mata, mais não vão sair daí com vida, vocês encontrarão a morte ai dentro da mata.
Os jovens ficaram arrepiados, sentiram um pavor diante das palavras daquele homem. Mas eles eram cristãos de verdade, e tinham que entrar naquela mata de qualquer jeito para colher lenha, porque esse era o trabalho deles naquela fazenda.
Eles então entraram na mata, e só retornaram no final do dia. Depois de caminharem um tempo pela mata, cerca de uma légua, encontraram um velho andrajoso e faminto. Esse velho se aproximou deles e disse que estava com muita fome. O que vocês têm ai para eu comer? Disse o velho.
Eles tinham somente um pão. O único pão que seria a refeição deles naquele dia. Os dois jovens cristãos vendo que aquele homem estava muito faminto, imediatamente partiram o pão pela metade e entregaram para aquele velho que os agradeceu.
Eles continuaram com o seu trabalho de colher lenha. E quando já estavam com os feixes prontos, eles voltaram para a sede da fazenda.
E ali, naquele pequeno povoado, a profecia do macumbeiro dizendo que eles iriam morrer na mata tinha se espalhado e, todos estavam esperando com ansiedade para ver se ia dar certo ou não o que o macumbeiro disse. Se aquele mal pressagio iria se cumprir ou não.
Então uma pequena multidão se aglomerou esperando por aqueles dois jovens cristãos e todos se alegraram ao vê-los retornando sãos e salvos daquela mata.
Um dos moradores daquele chegou então para o macumbeiro e diz: Olha, o teu mal pressagio ai falhou! A tua previsão, a tua adivinhação é falsa, porque, olha os dois jovens aí, voltaram vivos.
O macumbeiro não se conformou, olhou bem para os jovens cristãos e perguntou: o que aconteceu lá dentro da mata? E eles disseram: Nada! Como nada? Alguma coisa aconteceu me contem!
Não nada! A única coisa que aconteceu é que apareceu um velho faminto e nos pediu comida e nós repartimos o pão, o único que tínhamos com ele e ele comeu.
Deixa eu ver essa lenha que vocês pegaram?
Quando abriu o feixe de lenha, havia no meio de dela, no feixe de cada um deles, duas serpentes, duas cobras venenosas enormes, e duas cobras estavam cortadas pela metade.
Então o feiticeiro disse: Olha ai ta vendo só. Eles encontraram com a morte dentro da mata, cada um deles tem serpentes nos seus feixes de lenha, elas estão cortadas. Quando eles dividiram o pão com aquele homem, eles desviarão a morte. O que é que eu posso fazer se o Deus dos crentes se comove com alguém que reparte um pedaço de pão.
Ninguém pode fazer nada. Essa é a verdade.
Nem o inferno, nem o diabo e seus anjos malditos, nem todo o inferno reunido pode tocar na vida do homem e da mulher que está com Deus.
- A palavra de Deus diz: que ai daquele que tocar no ungido do Senhor.
- Eu sou Seu Deus. Eu sou contigo. Eu te livrarei, Eu te guardarei.
- Salmo 34: 7 diz: O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem  e os livra.
Eu quero que você aprenda a confiar nesse Deus Maravilhoso. Eu quero que você aprenda a confiar no Deus dos crentes. Esse Deus poderoso que coloca os seus anjos acampados junto de nós.
Em Isaias 54: 17 diz: Toda ferramenta preparada contra ti, não prosperara; e toda língua que se levantar contra ti em juízo, tu a condenaras; esta e a herança dos servos do Senhor, e a sua justiça que vem de mim, diz o Senhor.
Não temas, maior é aquele que está contigo do que aquele que está nas trevas.
Maior é Deus que está conosco do que todo o inferno reunido. Através da palavra de Deus, eu posso te garantir...
Jesus está contigo...

segunda-feira, janeiro 10, 2011

O grão de trigo - 10 de janeiro de 2011





Na Rússia tem muitas montanhas, e entre duas montanhas ligando uma a outra existe uma ponte que se chama muito a atenção porque ela não foi construída por mãos humanas. É uma ponte muito interessante criada pela natureza.
De um dos lados da ponte a centenas de anos atrás, havia um pinheiro gigantesco, as aves do céu vinham e fiavam até os seus ninhos e ali geravam seus filhotes, alimentavam, viviam naquele lugar e voavam para as montanhas. Houve porem numa certa ocasião, uma violenta tempestade e o pinheiro gigante foi golpeado pelo vento com grande violência que a sua raiz se arrancou do chão e ele tombou. Quando ele tombou, a porta foi cair na outra montanha que havia ao lado e ali ficou parado, intacto durante muitos anos. O tempo foi passando, o velho pinheiro foi petrificado, suas folhas caíram, os galhos também, ficando somente o tronco petrificado.
E por ele ser muito longo, acabou se transformando em ponte. E essa parte é utilizada pelas pessoas para irem de um lado para o outro.
O que nos chama atenção nesse fato  é que o Senhor Jesus quando estava aqui na terra, ele disse o seguinte, na verdade vos digo que se o grão de trigo caindo na terra, não morrer, fica ele só; mais se morrer, dá muito fruto (João: 12.24).
O Senhor Jesus disse isso a respeito da sua morte. Ele é o grão de trigo.
Você sabia que o trigo para germinar, para nascer e produzir bons frutos ele tem que morrer? Pois é. Ele tem que morrer no chão e se ele morrer produz muitos grãos.
O Senhor Jesus falou isso a respeito dele mesmo. E o Senhor Jesus é como este pinheiro, porém, muito mais superior, porque foi  Ele quem toda vida, de parte que tudo que há, existe somente por causa Dele.
Mas Ele um dia foi abatido pelos nossos pecados, e Ele sendo abatido, caiu e fez uma ponte que liga a terra ao céu. É nessa ponte chamada Jesus, é que as pessoas podem passar para chegar ao céu, chegou à eternidade. Em João 12.24-25 diz: na verdade vos digo que se o grão de trigo caindo na terra, não morrer, fica ele só; mais se morrer, dá muito fruto.
Quero dizer que você também pode ser como este pinheiro. Você pode ser como grão de trigo, você pode ser como o Senhor Jesus.
Jesus é superior aquele pinheiro porque sendo abatido pelo vendaval dos nossos pecados e caindo, Ele se tornou parte que nos leva ao céu, ao mesmo tempo, Ele ressuscitou dos mortos para nos receber do outro lado e nos concede a vida eterna.
E você que está sendo açoitado pelo vendaval deste mundo, pelos temporais. Tenha coragem, pois dias virás certamente em que você como aquele velho pinheiro petrificado vai poder validar uma grande e nobre missão em beneficio dos seus semelhantes.
Saiba que você, pode ser uma benção para a tua geração e para as gerações futuras.
O pinheiro quando estava vivo, ele abrigava as aves do céu e depois de derribado ele continuou a ser útil.
Você pode fazer a obra de Deus, falar de Jesus, pregar o evangelho e assim você será também uma ponte num trabalho que permanece por toda a eternidade. Através do seu trabalho, da sua obra, _____________________ do que muitas pessoas esta em contato com a vida eterna.
Jesus diz: Se alguém me serve, o Pai o honrará.
Nos estamos aqui fazendo a obra de Deus e enquanto eu falo, pessoas estão sendo levantadas, tocadas, para também fazer a obra de Deus.

sexta-feira, janeiro 07, 2011

Orar sem cessar – 07 de janeiro de 2011



I Tessalonicenses 5 : 17 e 18 - Orai sem cessar. Em tudo daí graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco.

Na Índia são ensinadas quatro leis da espiritualidade

Primeira lei; a pessoa que vem é a pessoa certa - Significa que ninguém está em nossa vida por acaso. Todas as pessoas ao nosso redor estão interagindo conosco. Há sempre algo que nos faça aprender e avançar em cada situação.

Segunda lei; aconteceu a única coisa que poderia ter acontecido – Nada, nada, absolutamente nada do que acontece em nossas vidas poderia ter sido de outra forma. Nem mesmo o menor detalhe. Não há nenhum ´´se eu tivesse feito tal coisa..., aconteceu que um outro... ``. o que aconteceu foi tudo o que poderia ter acontecido, e foi para aprendermos alguma lição e seguirmos em frente. Todas e cada uma dessas situações que acontecem em nossas vidas são perfeitas.

Terceira lei; Toda vez que você iniciar algo esse é o momento certo – tudo começa na hora certa: nem antes, nem depois. Quando estamos prontos para iniciar algo novo em nossas vidas, é o momento em que as coisas acontecem.

Quarta lei; Quando algo termina, acaba realmente – Simplesmente assim. Se algo acabou em nossas vidas foi para a nossa evolução, por isso, é melhor seguirmos em frente e nos enriquecermos com cada experiência.

Um dia Albert Einstein disse: ´´Se um dia você tiver de escolher entre o mundo e o amor, lembre-se: se escolher o mundo ficará sem amor, mas se você escolher o amor, com ele conquistará o mundo.

Na fadiga dos nossos dias, freqüentemente esquecemos-nos de orar e buscarmos a presença do Senhor, mas geralmente não nos esquecemos de ligar a TV, o rádio ou o nosso computador.

Por esta razão, tomo a liberdade de levar até você esta pequena mensagem que fará você lembrar-se de Deus e proferir uma oração e, que você pode ouvi-la através do rádio ou do seu computador.

Meu Deus...!!!
Ajuda-me a dizer a palavra da verdade na cara dos fortes, e a não mentir para obter o aplauso dos débeis.
Se me dares dinheiro, não tomes a minha felicidade, e se me dares forças, não tires o meu raciocínio.
Se me dares êxito, não me tires a humildade, se me dares humildade, não tires a minha dignidade.
Ajuda-me a conhecer a outra face da realidade, e na me dixes acusar os meus adversários apodando-os de traidores, porque não partilham o meu crédito.
Ensina-me amar os outros como amo a mim mesmo, e a julgar-me como faço com os outros.
Não me deixes embriagar com o êxito, quando o consigo, nem a me desesperar, se fracasso.
Sobretudo, faz-me sempre recordar que o fracasso é a prova que antecede o êxito.
Ensina-me que a tolerância é o mais alto grau da força e que o desejo de vingança é a primeira manifestação da debilidade.
Se me despojares de dinheiro, deixa-me a esperança, e se me despojares do êxito, deixa-me a força de vontade para poder vencer o fracasso.
Se me despojares do dom da saúde, deixa-me a graça da fé.
Se causo dano a alguém, dá-me forças para pedir desculpa, e se alguém me causa dano, dá-me força para perdoar e ter clemência.

Meu Deus...

Se me esquecer de Ti.
Que Tu, não Te esqueças de mim!
Amém!

Mahatma Gandhi

quinta-feira, janeiro 06, 2011

A Vontade de Deus e as Contradições da Vida - 06 de janeiro de 2011



Romanos 8.28 - E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.

As promessas do Senhor são confiáveis e infalíveis. Entretanto, muitas pessoas que enfrentam situações difíceis enquanto esperam que aquilo que Deus prometeu cumpra-se em sua vida, costumam perguntar: “Por que as promessas do Senhor não se realizam da maneira como desejamos, e no tempo que achamos ideal, propício?”. Elas não entendem porque às vezes as circunstâncias caminham na contramão das vitórias que Deus prometeu.
Quando você estiver passando por adversidades, lembre-se de que “todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados pelo seu decreto” (Romanos 8.28).
Mesmo que a vida delineie diante de você um panorama de adversidades, de contradições, de situações conflitantes e difíceis, mantenha-se firme na fé, jamais duvide das promessas e da fidelidade do Senhor.
Continue confiante no plano de Deus para sua vida, mesmo sentindo que uma forte ventania e uma grande tempestade o têm envolvido. De acordo com as promessas de Deus, era para estar soprando uma brisa suave. Mas não se deixe abalar. Se o vento é fortíssimo e atrapalha a sua caminhada, não se esqueça de que você tem promessas de Deus, e que Suas promessas não falham. Tudo o que está acontecendo agora é circunstancial, é momentâneo. As dificuldades cessarão.
Mesmo que você esteja debaixo da correção de Deus, não deve esquecer que o Senhor é bom, e que as suas misericórdias duram para sempre. O salmista Davi nos chamou a atenção para isto:

“Porque não passa de um momento a sua ira; o seu favor dura a vida inteira. Ao anoitecer pode vir o choro, mas a alegria vem pela manhã” (Salmos 30.5-6, ARA).

As promessas do Senhor são infalíveis. Espere com fé, pois Ele não se esqueceu de você. Em Isaías 55.8, o Senhor diz:
“Porque os meus pensamentos são mais altos do que os vossos pensamentos”. (Isaías 55.8)
As circunstâncias adversas que surgem antes que as promessas de Deus se cumpram têm que ser consideradas segundo a ótica de Deus, e não segundo a visão limitada do ser humano. Não sabemos nem temos a capacidade de pensar como Deus. Somente após uma entrega total de nossa vida a Jesus é que poderemos “ter a mente de Cristo” (1 Coríntios 2.16). Só então entenderemos porque a vontade de Deus prevalece acima das contradições da vida e também muitas vezes se esbarre em algum incrédulo.
Um certo dia perto de uma ponte, uma vendedora de frutas estava assentada em seu posto de vendas. Muitas vezes, à falta de compradores, tomava a Bíblia ao colo para lê-las, pois lhe tributava tão grande valor.
- Em qual livro a senhora lê com tanta constância?, perguntou um cavalheiro que lhe havia comprado algo.

- O meu senhor, isto é a Bíblia, a Palavra de Deus – respondeu.
- Mas de onde a senhora sabe que a Bíblia é a Palavra de Deus? quem lhe disse? – retrucou o homem.
- Ele mesmo?
- Ora, Deus teria falado com a senhora?
A vendedora ficou algo embaraçada, ante a atribuição de ter de provar que a Bíblia é a Palavra de Deus. Então ela ergueu seus olhos, mostrou para o sol resplandecente e perguntou: – Meu senhor, o senhor é capaz de me provar que aquilo é o sol?
- Provar a senhora? retorquiu o cavalheiro, .. isso é relativamente fácil. O melhor comprovante é que me proporciona luz e calor.

- Correto, é exatamente isso!, exclamou a mulher. A prova que isso realmente é a Palavra de Deus está no fato de ela proporcionar-me interiormente luz e calor.
Deus é real, Ele existe, cuida de você e está aí agora do teu lado.

(Trecho da mensagem A vontade de Deus e as contradições da vida, pregada no 11º Congresso Pentecostal Brasileiro Fogo para o Brasil).

terça-feira, janeiro 04, 2011

Há esperança sim, pois o Senhor fala ao Seu povo



Ezequiel 2:1 - E disse-me: Filho do homem, põe-te em pé, e falarei contigo.

Zacarias 9 : 13 - Porque curvei Judá para mim, enchi com Efraim o arco; suscitarei a teus filhos, ó Sião, contra os teus filhos, ó Grécia! E pôr-te-ei, ó Sião, como a espada de um poderoso.

Nos dois primeiros versículos, o profeta Zacarias nos relata quatro delas: Deus é Justo, Vitorioso, Humilde e Pacificador. Pela Sua Justiça, Deus não se esquece da Sua Aliança que um dia fez conosco lá no Alto do Calvário e diz que nos libertaria de um poço sem água (9:11). Podemos passar por situações difíceis, como a quebra de um relacionamento, a perda de um emprego ou uma dor muito grande causada por doenças, mortes ou quaisquer outras dificuldades; Deus não é homem para que minta, nem filho de homem para que não se cumpra o que Ele nos prometeu – libertação! Quaisquer situações desagradáveis, “poços sem água”, são passageiras e Deus promete nos libertar de todas elas.

Podemos estar privados de toda esperança devido a uma resposta que não chega ou um problema que não vemos solução, ou ainda, algo que outrora tínhamos e fora perdido; Deus nos promete restaurar tudo em dobro! (9:12) Há esperança para nós porque Cristo veio ao mundo morrer por nossas vidas e ressuscitou dentre os mortos, e porque Ele ressuscitou,podemos crer que dias melhores virão. Deus só nos pede uma coisa apenas: voltar nossas vidas para a nossa fortaleza (9:12), e a nossa fortaleza é o Senhor Jesus!

Devido a isso, Cristo vem até nós para nos trazer toda esperança que se perdeu, devemos nos alegrar e exultar ao Rei dos reis, porque Ele é Justo, Vitorioso, Humilde e Pacificador! Glória, pois a Ele, eternamente.

Êxodo 17:11-13 - Quando Moisés levantava a mão, Israel prevalecia; quando, porém, ele abaixava a mão, prevalecia Amaleque. Ora as mãos de Moisés eram pesadas, ... Arão e Hur sustentavam-lhe as mãos, um dum lado e o outro do outro: assim lhe ficaram as mãos firmes até ao pôr-do-sol. E Josué desbaratou a Amaleque.

Geralmente é verdade que, para o sucesso de um empreendimento, deve haver apoio por parte daqueles que não desempenham um papel "heróico". Sem essa sustentação, muitos empreendimentos fracassam.
Um exemplo desse fracasso ocorreu alguns anos atrás, ao largo da costa da Nova Escócia. Uma embarcação havia sido atingida por terrível tormenta e feita em pedaços, com lamentável perda de vidas.

Um único sobrevivente, agarrado a destroços do naufrágio, podia ser visto pelas pessoas ansiosas que se haviam reunido na praia.

Um rapaz, conhecido como grande nadador, amarrou a extremidade de uma corda em torno de sua cintura e instruiu as pessoas a segurarem a outra ponta, enquanto ele nadava para resgatar o sobrevivente. Lutou contra as ondas até alcançar o homem em perigo e, depois de segurá-lo, fez sinal para que as pessoas na praia os puxassem.

Justamente naquele momento, as pessoas levantaram as mãos com um brado de triunfo e - por um instante apenas - soltaram a corda! Antes que pudessem agarrá-la novamente, a corda foi levada pelo mar e tanto o resgatador como o sobrevivente pereceram! Por um momento apenas os auxiliares do resgatador se esqueceram da importância vital de seu papel "sem charme".

Observe que, em nosso texto, Israel vencia quando as mãos de Moisés eram levantadas, e a vantagem passava para Amaleque quando ele as baixava. Essa foi uma parábola encenada, mediante a qual Deus quis ensinar a Israel - e também a nós - a verdade de que, embora nossa função não pareça atraente, os líderes da causa de Deus, bem como a "tropa de combate", necessitam de nosso apoio para levar a obra avante.
Não fique parado, Deus conta com você para a Sua grande obra aqui na terra.
Levante-se e Ele falará contigo.

Deus abençoe a todos.

segunda-feira, janeiro 03, 2011

O Aprender - 03 de janeiro de 2011



Romanos 8: 17 - "E, se nós somos filhos, somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus, e co-herdeiros de Cristo: se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados".

A vida é um eterno aprendizado.
Certo homem simples, com muita saudade de sua terra natal, distante, vendeu tudo o que possuía e com o dinheiro que conseguiu comprou uma passagem de navio para a viagem, de regresso, tão sonhada.
Qual não foi sua surpresa quando descobriu que seu dinheiro era suficiente apenas para a passagem. Embarcou muito apreensivo, pois sabia que a viagem demoraria vários dias e esse tempo à bordo ser-lhe-ia de grande sacrifico, visto não ter sobrado dinheiro para se alimentar e desfrutar do que o navio possuía, pensava ele.
Treze dias se passaram sem que aquele passageiro tivesse feito uma refeição, dormido em um dos camarotes ou desfrutado de qualquer dependência do navio. Cansado, desnutrido, tremendamente debilitado, dirigiu-se ao comandante, expôs sua situação e implorou por uma refeição. Surpreso, o comandante do navio explicou-lhe que quando alguém compra uma passagem tem garantido tudo o que o barco oferece, além da própria viagem!
Eu li essa história numa folhinha de calendário, amarelada pelo tempo, mas me chamou a atenção a semelhança com nossa vida de filhos de Deus.
O apóstolo Paulo diz no versículo citado acima, que somos herdeiros juntamente com Jesus, como filhos, do próprio Deus. Isso significa dizer que temos à disposição tudo o que isso representa. Desta forma, podemos ter certeza que nossa vida não será apenas de sacrifícios e tristezas, pois se sofremos com Cristo também seremos glorificados e isso quer dizer que teremos vitórias, alegrias e paz, entre outras coisas.
Para desfrutar de tudo o que nos é garantido pela nossa filiação com Deus, é preciso conhecer e aprender a desfrutar as bênçãos prometidas! Ficar na ignorância pode fazer com que passemos fome, sede e deixemos de usufruir o pão da vida e a água cristalina que o Senhor nos garantiu pela nossa adesão ao seu plano de redenção, o sacrifício de Jesus por todos nós!
Temos muito a aprender e se dermos uma chance para Deus, iremos aprender que não importa o que aconteça, ou quão ruim pareça o dia de hoje, a vida continua, e o amanhã será melhor.
Aprender que se pode conhecer bem uma pessoa, pela forma como ela lida com três coisas: um dia chuvoso, uma bagagem perdida e os fios das luzes de uma árvore de natal que se embaraçaram.
Aprender que, não importa o tipo de relacionamento que tenha com seus pais pois você sentirá falta deles quando partirem.
Aprender que "saber ganhar" a vida não é a mesma coisa que "saber viver".
Aprender que a vida às vezes nos dá uma segunda chance.
Aprender que viver não é só receber, é também dar.
Aprender que se você procurar a felicidade, vai se iludir. Mas, se focalizar a atenção na família, nos amigos, nas necessidades dos outros, no trabalho e procurar fazer o melhor,
a felicidade vai encontrá-lo.
Aprender que sempre que decidir algo com o coração aberto, geralmente acerta.
Aprender que quando sintir dores, não precisa ser uma dor para os outros.
Aprender que diariamente precisa alcançar e tocar alguém.
As pessoas gostam de um toque humano, segurar na mão, receber um abraço afetuoso,
ou simplesmente um tapinha amigável nas costas.
Aprender que ainda se tem muito que aprender.
Aprender que esta mensagem deveria ser repassada para outras pessoas.
Às vezes elas precisam de algo para iluminar seu dia.
Mas sempre lembrando: "As pessoas esquecerão do que você disse ...
esquecerão o que você fez... mas nunca esquecerão como você as tratou"
Conheça melhor nosso Deus. Informe-se de suas promessas de grande misericórdia. Nossa vida pode ser muito bela e cheia de graça!
Fique com Deus!
...vida bela e cheia de graça!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...